Início Regional Bispo de Coimbra D. Virgílio Antunes defende o diálogo cultural e religioso

Bispo de Coimbra D. Virgílio Antunes defende o diálogo cultural e religioso

O bispo de Coimbra, D. Virgílio Antunes, defendeu que o diálogo cultural e religioso é um dos factores de que depende a paz no mundo. Numa nota pastoral sobre o Jubileu de Santo António e dos Mártires de Marrocos, que a diocese de Coimbra vai assinalar entre Janeiro de 2020 e Janeiro do ano seguinte, D. Virgílio Antunes escreve que a paz “está dependente de muitos factores, e entre eles conta-se certamente o diálogo cultural e religioso, que assenta no respeito pelo princípio da dignidade da pessoa humana”.

Leia também

Dois homens detidos na Figueira da Foz com quase 850 doses de cocaína e heroína

Dois homens, um de 55 anos e outro de 56 anos, foram detidos ontem, na Figueira da Foz, na posse de 847 doses...

Depressão Glória: 150 quedas de árvores e alguns danos no distrito de Coimbra

A depressão Glória provocou 150 quedas de árvores e 30 quedas de estruturas em todo o distrito de Coimbra, não se registando,...

Coimbra e outros três distritos sob aviso amarelo com previsão de vento forte e queda de neve

Os distritos de Viseu, Coimbra, Castelo Branco e Guarda estão hoje sob aviso amarelo devido à previsão de vento e, em dois distritos,...

Júlio Isidro recebe Medalha de Mérito Cultural

O Governo atribuiu a Júlio Isidro, amante incondicional da Figueira da Foz, de Buarcos em particular, a Medalha de Mérito Cultural que...

Sociedade de Instrução Tavaredense apresenta “Música no Coração” no CAE

O Centro de Artes e Espectáculos da Figueira da Foz vai receber a Sociedade de Instrução Tavaredense para apresentar o musical “Música...