Início Educação Crianças com mais de 10 anos devem usar máscaras nos ATL

Crianças com mais de 10 anos devem usar máscaras nos ATL

As crianças com mais de 10 anos devem usar máscara nos Centros de Actividades de Tempos Livres (ATL), segundo uma orientação da Direcção-Geral da Saúde (DGS) divulgada no âmbito da covid-19.

A reabertura dos ATL é possível a partir da próxima segunda-feira, no âmbito da terceira fase de desconfinamento anunciada pelo Governo, após o confinamento geral para fazer face à epidemia do novo coronavírus, que provoca a doença covid-19.

Na orientação hoje divulgada a DGS salienta que todos os ATL (que recebem crianças para actividades de estudo e lazer a partir dos seis anos) têm de estar devidamente preparados para abordar possíveis casos suspeitos de covid-19, tendo por exemplo uma área de isolamento, definição de circuitos, ou actualização de contactos de emergência das crianças.

Os ATL devem ter condições de higienização e desinfecção, e equipamentos como máscaras para todo o pessoal, e deve ser feita uma limpeza geral e desinfecção das instalações antes da abertura.

Depois, diz a DGS, as crianças e jovens devem ser organizados em grupos, que se devem manter sempre iguais e de preferência cada grupo numa zona específica, e os acessos à biblioteca ou à sala de informática devem ser condicionados, com desinfecção após cada utilização.

Sempre que possível as portas e janelas devem estar abertas e nas salas deve ser mantido o distanciamento. As mesas devem ser dispostas “o mais possível junto das paredes e janelas” e as mesas “devem estar dispostas com a mesma orientação, evitando uma disposição que implique as crianças e jovens virados de frente uns para os outros”.

A DGS recomenda que se evite o cruzamento das crianças entre salas (como acesso à sala de refeições) e que as crianças não partilhem objectos (ou que estes sejam desinfectados após cada utilização) e devem levar os seus próprios brinquedos de casa.

Para as actividades de exterior, como passeios ou excursões, as medidas são idênticas às gerais, de distanciamento físico e higiene, sendo que dentro dos ATL todos os profissionais e todas as crianças com mais de 10 anos devem usar máscara.

Dentro dos ATL a DGS recomenda desinfecção frequente de zonas que podem ser mais facilmente contaminadas, ou zonas de toque frequente, como maçanetas das portas, e sugere que seja feito um plano de higienização para conhecimento de todos os profissionais envolvidos.

E nos refeitórios, além das medidas de higiene e desinfecção (pelo menos duas vezes por dia), a recomendação é que se evitem grandes concentrações de pessoas, ou mesmo que se removam motivos decorativos das mesas.

Caso o ATL tenha um serviço de transportes as medidas aplicadas são as mesmas para os transportes colectivos de passageiros, e se houver um caso suspeito de covid-19 todos os encarregados de educação de todas as crianças devem ser informados.

Pub

Leia também

Let’s Build Happiness – projecto de solidariedade

Pelo quarto ano consecutivo, a Escola Profissional da Figueira da Foz e o INTEP irão implementar o projecto de solidariedade social “Let's Build Happiness”. As...

Mar e regresso do ensino superior nas prioridades de Santana Lopes

O independente Pedro Santana Lopes tomou hoje posse como presidente da Câmara da Figueira da Foz, eleito pelo movimento “Figueira a Primeira”, e assumiu...

“Outono ao som dos cavaquinhos” no CAE e no Auditório Municipal

«Outono ao Som dos Cavaquinhos» é uma iniciativa do Grupo de Cavaquinhos «Acordes da Foz», que se realiza dias 9, 23 e 30 de Outubro,...

“Heróis da Fruta” para prevenir obesidade infantil também na Figueira

No distrito de Coimbra, 35 escolas já aderiram este ano lectivo ao projecto “Heróis da Fruta”, promovido desde 2011 pela Associação Portuguesa Contra a...

Prémio Nacional “Gandhi – Educação para a Cidadania” distingue também a Figueira

Realizou-se ontem no Centro Hindu em Lisboa, a cerimónia de entrega da primeira edição dos Prémios Gandhi - Educação para a Cidadania, sendo o...