Início Nacional Portugal já realizou um milhão de testes, dos quais são 6,5% positivos

Portugal já realizou um milhão de testes, dos quais são 6,5% positivos

Portugal atingiu, no domingo, um milhão de testes realizados ao novo coronavírus, dos quais 6,5% com resultados positivos para covid-19, revelou hoje a ministra da Saúde.

“Do total destes testes, 45,2% foram realizados em laboratórios públicos, 39,2% em laboratórios privados e 15,7% em outros laboratórios”, afirmou Marta Temido, na conferência de imprensa que no Ministério da Saúde para a actualização dos dados da covid-19 e que deixará de ser diária e passará a decorrer três vezes por semana, às segundas, quartas e sexta-feira.

A ministra destacou também a quantidade de testes que têm sido realizados na região de Lisboa e Vale do Tejo e que desde há um mês se tem registado um acréscimo de casos de contágio (alguns dias têm sido quase a totalidade dos novos casos do pais), referindo que entre Maio e Junho “foram realizados 4.600 testes por dia, ou seja, mais mil diários do que no mês de Abril”.

“Desde há um mês que tem havido um acréscimo do número de testes e temos levado a cabo várias operações de testagem massiva e uma operação de rastreio entre 30 de Maio e 06 de Junho nos concelhos de amadora, Sintra, Loures, Odivelas e Lisboa e deste esforço intensivo de testes resultou uma melhor identificação dos novos casos e um melhor conhecimento da doença e adequado encaminhamento”, afirmou.

O rastreio realizado nos concelhos de Lisboa e Vale do Tejo incidiu em determinadas áreas económicos e foram realizadas 14.117 colheitas de amostras de material biológicos, das quais 731 tiveram resultado positivos (5,1%).

Destas colheitas, 93% dos casos já estão plasmados nos números fornecidos pelo boletim epidemiológico.

Além desta operação de testagem especifica, outros rastreios foram realizados, por iniciativa de entidades empregadoras particulares e “tiveram impacto no número do país”.

Marta Temido destacou também o trabalho do gabinete regional de intervenção para a supressão da covid-19 de Lisboa e Vale do Tejo e que serão dadas informações nos próximos dias.

Portugal regista 1.520 mortes relacionadas com a covid-19, mais três do que no domingo, e 37.036 infectados, mais 346, segundo o último boletim epidemiológico divulgado pela Direcção-Geral da Saúde (DGS).

Em comparação com os dados de domingo, em que se registavam 1.517 mortes, hoje constatou-se um aumento de óbitos de 0,2%. Já os casos de infecção subiram 0,9%.

Na região de Lisboa e Vale do Tejo, onde se tem registado o maior número de surtos, a pandemia de covid-19 atingiu os 15.128 casos confirmados, mais 300 do que os 14.828 registados no domingo.

Pub

Leia também

Município promove actividade de serviço educativo por telefone para população sénior

O Município da Figueira da Foz dinamiza, através do serviço Educativo da Cultura - Biblioteca Municipal Pedro Fernandes Tomás, uma nova actividade “Trim Trim...

Centro de Recolha Animal da Figueira da Foz acolheu 625 animais em 2020

O trabalho realizado no ano de 2020 pelo Serviço Veterinário Municipal (SVM) foi elogiado na última reunião de Câmara pelo vereador Miguel Pereira, em...

Figueira da Foz com 243 casos activos

O concelho da Figueira da Foz registou hoje seis novos casos de pessoas infectadas com covid-19, totalizando o número de casos registados desde Março...

Pandemia teve impacto negativo na saúde mental dos jovens portugueses

A pandemia de covid-19 teve “um significativo impacto negativo na saúde mental dos jovens portugueses, especialmente nos níveis de depressão e de ansiedade”, conclui...

Figueira sob aviso amarelo devido à agitação marítima

O distrito de Coimbra está hoje sob aviso amarelo devido à previsão de agitação marítima forte, informou hoje o Instituto Português do Mar e...