Início Local Vinte detidos em operação da PSP na Figueira da Foz

Vinte detidos em operação da PSP na Figueira da Foz

A PSP de Coimbra deteve hoje 20 pessoas, por suspeita da prática de crimes de furto, receptação, branqueamento de capitais, associação criminosa, simulação de crime, detenção de arma proibida e tráfico de estupefacientes e pessoas, informou aquela força.

De acordo com o Comando Distrital de Coimbra da Polícia, todas as detenções – 16 homens e quatro mulheres, com idades dos 30 aos 40 anos -, ocorreram, âmbito da operação Palladium, na Figueira da Foz.

Em conferência de imprensa, que decorreu ao final da tarde de hoje, nas instalações daquele Comando da PSP, o comissário Renato Neto explicou que a operação Palladium culmina cerca de um ano de investigação, realizada sob a coordenação do Departamento de Investigação e Acção Penal Regional de Coimbra, por suspeita de vários crimes, entre eles o furto qualificado e receptação de catalisadores.

“No que diz respeito especificamente ao furto de catalisadores, este grupo de suspeitos vinha praticando ilícitos com elevada mobilidade e dispersão geográfica, nomeadamente nos distritos do Porto, Aveiro, Viseu, Coimbra, Castelo Branco, Leiria e Lisboa”, informou.

A esmagadora maioria destes furtos “era realizada no período nocturno”, por vezes “com nítida divisão de tarefas: enquanto uns sinalizavam as viaturas a serem alvo de furto e asseguravam acções de vigilância tendentes a sinalizar qualquer aproximação de testemunhas ou viaturas policiais, outros tinham o conhecimento técnico e o equipamento adequado para realizarem efectivamente o furto”.

“A participação dos suspeitos no crime é diferente: um grupo considerado mais organizado assumia a qualidade de chefia e um grupo assumia o papel de operacionais e procediam ao furto de catalisadores e venda de drogas na Figueira da Foz”, esclareceu.

Alguns dos detidos “têm relações familiares” e possuem antecedentes criminais.

De acordo com Renato Neto, nas 30 buscas domiciliárias e nas cerca de 20 buscas a viaturas foram apreendidos 28 telemóveis, aproximadamente oito mil euros em dinheiro, oito viaturas, quatro catalisadores, um revólver de calibre 357, duas armas de pressão de ar e diverso equipamento para efectivação dos furtos.

Aos jornalistas, o responsável recordou ainda que, no contexto da presente investigação, a PSP já havia desencadeado diversas acções operacionais, nomeadamente no âmbito da Operação Carbono.

Nessa altura tinham sido detidos 14 suspeitos, dos quais cinco ficaram em prisão preventiva.

Foram apreendidos 507 catalisadores, aproximadamente 725 doses de cocaína e 100 doses de heroína, cinco viaturas, cerca de 74 mil euros em dinheiro, uma pistola de calibre 6,35mm e 805 kg de componentes de catalisadores já devidamente processados e avaliados em mais de 100 mil euros.

Pub

Leia também

Figueira recebe 3ª edição da Sardinha Cup 2022

A regata internacional Sardinha Cup 2022 conta com 22 veleiros e uma rota com dois percursos que ligam Saint Gilles Croix de Vie, o...

Quim Barreiros no arraial de Santo António da Misericórdia

O cantor popular Quim Barreiros vai animar o arraial popular do dia 12 de Junho das tradicionais festas de Santo António da Misericórdia –...

Comemorações do 20º aniversário do Centro de Artes e Espectáculos

O Centro de Artes e Espectáculos (CAE) da Figueira da Foz apresenta, no dia 1 de Junho, a peça "Feliz Aniversário", pelo TIL -...

Naval Remo participou na 16ª Edição da Regata Internacional Litocar

Nos passados dias 14 e 15 de Maio realizou-se, em Montemor-o-Velho, a 16ª Edição da Regata Litocar, com participação de 18 Clubes a nível...

Sessão de cinema “O Rei do Riso” no CAE

O Centro de Artes e Espectáculos (CAE) da Figueira da Foz apresenta, segunda-feira, 23 de Maio, pelas 21h30, no Auditório João César Monteiro, uma...