Início Cultura “Acontece no tempo e no local certos” - Diz Margarida Perrolas

“Acontece no tempo e no local certos” – Diz Margarida Perrolas

Realizou-se no Auditório Municipal, o “Encontro de Outono” subordinado ao tema “As colecções não europeias nos museus portugueses”.

A iniciativa, promovida pelo ICOM Portugal – designação da secção portuguesa do International Council of Museums/Conselho Internacional de Museus – foi transmitida em directo no canal de Youtube municipal e reuniu cerca de noventa participantes. A escolha da Figueira da Foz e do Museu Municipal Santos Rocha para acolher este encontro, deveu-se ao facto de as colecções do espaço museológico municipal serem particularmente relevantes para o tema em debate, o qual se inscreve na vasta e complexa problemática da devolução das colecções coloniais aos países de origem. A sessão de abertura contou com a presença de Maria de Jesus Monge, presidente do ICOM Portugal e de Luís Raposo, presidente do ICOM Europa.

Maria de Jesus Monge considerou que o Museu Municipal Santos Rocha tem “todas as condições” para ir ao encontro do tema a debate e defendeu a “necessidade imperiosa” de os museólogos e técnicos dos museus, terem “condições de fazer o trabalho que se impõe”, que “é conhecer melhor as nossas colecções”, considerou.  Luís Raposo referiu-se ao tema do encontro como sendo “extremamente actual” e deu nota de que ICOM Internacional e o ICOM Europa têm-lhe “dado muita atenção” nos últimos anos.

Margarida Perrolas, directora do departamento de Cultura e Turismo do município, apresentou as boas-vindas em nome do presidente da Câmara Municipal e saudou o ICOM Portugal pela descentralização que “tem vindo a fazer, com a realização dos encontros em diversas instituições espalhadas por todo o país”. A técnica municipal referiu que o ICOM “reconhece e celebra de forma assertiva” com estes encontros “o papel local, nacional e internacional dos museus como espaços privilegiados de discussão, de debate e de cidadania activa”.

Margarida Perrolas deixou uma palavra de felicitação pelo tema escolhido, o qual é “de enorme pertinência para o nosso museu municipal, cujas colecções etnográficas provenientes dos cinco continentes, são das mais dispersivas do país”, referiu.

“Estes encontros serão seguramente um contributo para que possamos repensar estratégias, programação, caminhos e modos de sentir e estar” nos museus salientou Margarida Perrolas que acredita que “estes encontros são um estímulo à voz poderosa e activa que o ICOM tem sido na defesa da cultura e do património como um direito humano”, referindo que estes encontros “acontecem no tempo certo e no local certo”.

O programa, para além de uma visita ao Museu Municipal Santos Rocha, no primeiro dia, e ao Museu de Ciência da Universidade de Coimbra, no segundo,  incluiu diversas intervenções temáticas e mesas redondas nas quais participaram os representantes do ICOM Portugal e Europa, o director do Museu Nacional de Etnologia, Paulo Costa, e os museólogos estrangeiros  Elke Kellner do  ICOM Áustria; Guido Gryseels, do  Royal Museum for Central Africa (Bélgica); Hanna Pennock, da Cultural Heritage Agency of the Netherlands, e Luís Pérez, do Museo Nacional de Antropologia, ICOM Espanha.

 

Pub

Leia também

Salvo o ocupante da viatura que caiu na Serra da Boa Viagem

Ficou ligeiramente ferido, “mas consciente e orientado”, o único ocupante da viatura ligeira que esta tarde se despistou e caiu numa ravina com um...

CAE recebe um concerto de Lisa Gerrard e Jules Maxwell no domingo

Amanhã, pelas 21h30, o Centro de Artes e Espectáculos (CAE) apresenta um concerto com Lisa Gerrard e Jules Maxwell, onde será apresentado o seu...

Ponte Edgar Cardoso: obras condicionam trânsito durante a semana

As obras de requalificação da ponte Edgar Cardoso vão condicionar o trânsito nos dias 29 e 30 de Novembro, das 8h30 às 17h30, com...

Terapeuta da fala figueirense distinguida em São Brás de Alportel

O Município de São Brás de Alportel realizou a sua 10.ª Gala de Atribuição dos Prémios Juventude onde a figueirense Mónica Rocha foi premiada...

Assembleia Municipal da Figueira da Foz aprova desagregação de quatro freguesias

A Assembleia Municipal da Figueira da Foz deu hoje parecer favorável à desagregação das antigas freguesias de Brenha, Santana, Borda do Campo e São...