Início Ciência Cientista de Coimbra desenvolve simulador que calcula dose de exposição a Covid-19

Cientista de Coimbra desenvolve simulador que calcula dose de exposição a Covid-19

Um cientista da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), desenvolveu um simulador “capaz de prever a quantidade de vírus SARS-CoV-2 inalada pelas pessoas em ambientes no interior de edifícios”, foi hoje anunciado.

O simulador, designado “Covid-19 – calculador da dose de exposição”, foi desenvolvido pelo cientista Manuel Gameiro da Silva.

Segundo a Universidade de Coimbra (UC), “considerando a intensidade da fonte, a dimensão do espaço, o caudal de ar existente – que possa atenuar a carga viral -, o uso ou não de máscara e o tempo de permanência previsto”, o modelo informático desenvolvido pelo investigador da FCTUC, “consegue determinar a quantidade de vírus inalada no período de permanência nesse ambiente”.

O catedrático, citado numa nota de imprensa enviada à agência Lusa, refere que a ferramenta pode ser “muito útil” para a gestão de edifícios (escolas, escritórios, etc.), pois “consegue prever os mais diversos cenários, possibilitando assim a adopção de medidas para evitar o risco de contágio”.

“Imaginemos uma sala de aula: sabendo a dimensão da sala, os alunos que vão estar presentes, a duração da aula e o caudal de ar no espaço, o simulador permite prever o nível de exposição a que cada utilizador vai estar sujeito em cada momento, o que permite tomar medidas para mitigar o risco, por exemplo, abrir janelas para renovar o ar ou reduzir o tempo de permanência na sala de aula”, exemplifica Manuel Gameiro da Silva.

A vantagem “é que simula simultaneamente as evoluções das concentrações do vírus e do CO2 metabólico, com base no conjunto dos fatores que são importantes na cadeia de transmissão da covid-19, permitindo uma abordagem mais informada na tomada de decisões relacionadas com a gestão de edifícios e respetivos equipamentos”, acrescenta o cientista da FCTUC.

O investigador “tenciona agora adaptar o modelo a uma App (aplicação informática) simples e intuitiva, de modo a que qualquer cidadão possa utilizar esta ferramenta”, remata a UC.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.775.272 mortos resultantes de mais de 81,5 milhões de casos de infecção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 6.751 pessoas dos 400.002 casos de infecção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direcção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detectado no final de Dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Pub

Leia também

Hospital da Figueira da Foz entrou na última fase do Plano de Contingência

O Hospital Distrital da Figueira da Foz (HDFF), está na última fase do seu Plano de Contingência e caminha para o limite de resposta,...

Cadáver foi resgatado do estuário do Mondego na Figueira da Foz

Um cadáver foi resgatado hoje da água no estuário do rio Mondego, na Figueira da Foz, informou o Comando Distrital de Operações de Socorro...

Figueira tem 554 casos activos – 184 novos casos registados desde sábado

O concelho da Figueira da Foz registou hoje 40 novos casos de pessoas infectadas com covid-19, totalizando o número de casos registados desde Março...

Forças policiais passam a estar mais visíveis nas vias públicas

As forças de segurança vão ter mais visibilidade na via pública e reforçar a sua acção fiscalizadora por determinação do Governo que decidiu reforçar...

Centro Hospitalar de Coimbra muito perto de atingir o limite de capacidade

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) está prestes a atingir a lotação de camas em enfermaria e unidade de cuidados intensivos para...