Início Economia Turismo no interior adapta oferta ao teletrabalho mas procura ainda é tímida

Turismo no interior adapta oferta ao teletrabalho mas procura ainda é tímida

Unidades hoteleiras e de alojamento local no interior da região Centro têm estado a adaptar a sua oferta para o teletrabalho de famílias que procuram sair dos concelhos do litoral do país, com a expectativa de que este tipo de procura aumente.

Aquando da primeira vaga da pandemia de covid-19 no país, alguns alojamentos adaptaram-se logo à procura de casais e famílias que optaram por ‘fugir’ do meio urbano e continuar a trabalhar à distância, a partir de uma unidade hoteleira no interior do país, menos fustigado pela pandemia.

Agora, quando os casos aumentam, mais alojamentos reajustam-se às circunstâncias e tentam atrair clientes, numa altura em que o teletrabalho passou a ser regra em 121 concelhos no país, a maioria na grande Lisboa e grande Porto.

Pub

Leia também

“Perfeitos Desconhecidos” no CAE

No dia 28 de Janeiro, pelas 21h30, o Centro de Artes e Espectáculos apresenta a peça de drama e comédia "Perfeitos Desconhecidos", que conta com...

Aviso amarelo devido ao frio a partir de sábado

Sete distritos do continente estão hoje sob aviso amarelo devido ao frio, subindo no sábado para 15, incluindo o distrito de Coimbra, devido à...

Figueira da Foz abre portas do Paço de Maiorca para mostrar estado de ruína

O município da Figueira da Foz vai abrir este mês as portas do Paço de Maiorca às sextas-feiras e sábados, numa iniciativa que pretende...

Sindicato fala em adesão “muito grande” à greve nas conservas, patrões dizem “praticamente nula”

A greve de hoje dos trabalhadores da indústria das conservas regista, segundo o sindicato, uma “adesão muito grande”, havendo fábricas “completamente paradas”, como a...

Câmara da Figueira da Foz avalia sentença que onera terreno seis vezes mais

A Câmara da Figueira da Foz vai analisar uma sentença do Tribunal da Relação de Coimbra que obriga o município a pagar por um...