Início Nacional Acesso ao local de trabalho pode ser impedido se trabalhador tiver febre

Acesso ao local de trabalho pode ser impedido se trabalhador tiver febre

O acesso ao local de trabalho, a serviços públicos, escolas, espaços comerciais ou desportivos passa a poder ser impedido caso haja recusa da medição de temperatura corporal ou a pessoa tenha febre, segundo o decreto que regulamenta o estado de emergência.

No caso do local de trabalho, se o trabalhador tiver um resultado superior à normal temperatura corporal, ou seja, igual ou superior a 38ºC, não poderá aceder, mas considera-se a falta justificada.

Segundo o decreto publicado em Diário da República, “as medições podem ser realizadas por trabalhador ao serviço da entidade responsável pelo local ou estabelecimento, não sendo admissível qualquer contacto físico com a pessoa visada, sempre através de equipamento adequado a este efeito, que não pode conter qualquer memória ou realizar registos das medições efectuadas”.

Pub

Leia também

Nova maternidade de Coimbra vai ser construída nos Hospitais da Universidade

A nova maternidade de Coimbra vai ser construída no polo dos Hospitais da Universidade, anunciou hoje o presidente do Centro Hospitalar e Universitário de...

Ginásio com cinco victórias na regata internacional de Sevilha

A 4ª edição da “Internacional Rowing Masters Regatta”, organizada pela Federação Andaluza de Remo, levou a Sevilha (Pista de la Cartuja), no fim de...

Livro “A Pandemia e o Jogo” lançado no Casino Figueira

"O jogo online foi legislado em Portugal em 2015. Tal como havia sucedido aquando da regulamentação de 1927 com os casinos, também na sua base estiveram...

Let’s Build Happiness – projecto de solidariedade

Pelo quarto ano consecutivo, a Escola Profissional da Figueira da Foz e o INTEP irão implementar o projecto de solidariedade social “Let's Build Happiness”. As...

Mar e regresso do ensino superior nas prioridades de Santana Lopes

O independente Pedro Santana Lopes tomou hoje posse como presidente da Câmara da Figueira da Foz, eleito pelo movimento “Figueira a Primeira”, e assumiu...