Início Nacional Coronavírus: INEM designa duas equipas de transporte para Faro e Coimbra

Coronavírus: INEM designa duas equipas de transporte para Faro e Coimbra

Coimbra e Faro passaram a ter equipas do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) para transportar para os hospitais de referência as pessoas suspeitas de estarem infectadas com o novo coronavírus (2019-nCoV), anunciou hoje a entidade de acordo com a agência Lusa.

O reforço do transporte com mais duas equipas, uma em Faro e outra em Coimbra, vigora desde quarta-feira e foi anunciado hoje pelo presidente do INEM, Luís Meira, numa conferência de imprensa, em Lisboa, onde foi feito um novo balanço sobre a infecção pelo ‘2010-nCov’, detectado na China em Dezembro.

Antes, o transporte para os hospitais de referência das pessoas suspeitas de estarem infectadas com o novo coronavírus era apenas assegurado por duas equipas em Lisboa e no Porto.

De acordo com as orientações da Direção-Geral da Saúde (DGS), os casos suspeitos, que são validados por três médicos, são encaminhados pelo INEM para três hospitais de referência: Hospital Curry Cabral e Hospital Dona Estefânia, em Lisboa, e Hospital S. João, no Porto.

Os quatro casos suspeitos que foram validados até à data em Portugal deram resultados negativos para a presença do novo coronavírus, que pode provocar pneumonias virais.

Luís Meira, que falava na sede da DGS, acompanhado pela directora-geral da Saúde, Graça Freitas, disse que o “reforço de medidas está a ser preparado e planeado” em consonância com a evolução do surto, negando a falta de material de protecção para as equipas que asseguram o transporte para os hospitais de referência.

A China elevou hoje para 563 mortos e mais de 28 mil infectados o balanço do surto do coronavírus ‘2019-nCoV’, identificado em Dezembro na cidade de Wuhan, colocada sob quarentena.

Além do território continental da China e das regiões de Macau e Hong Kong, há casos de infecção confirmados em mais de 20 países.

A Organização Mundial de Saúde declarou há uma semana o surto do novo coronavírus uma emergência de saúde pública internacional devido ao risco elevado de propagação do ‘2019-nCoV’ à escala global.

A emergência internacional supõe a adopção de medidas de prevenção e coordenação em termos mundiais.

Pub

Leia também

Zero casos registados pelo segundo dia consecutivo

O concelho da Figueira da Foz não registou qualquer caso de infecção com covid-19 nas últimas 24h, permanecendo um total de 20 casos activos,...

Melanda Architects destacada com dois prémios internacionais pela DNA Paris Design Awards

O Atelier figueirense Melanda Architects (MA), fundado por Mário Melanda, foi este mês galardoado com dois prémios pela DNA Paris Design Awards nas categorias...

“O Figueirense” entra no 103.º ano de vida

O jornal “O Figueirense”, centenária publicação da Figueira da Foz, entra hoje, dia 19 de Junho no seu 103.º ano de publicação. Fundado na antiga...

Figueira sem casos registados nas últimas 24h

O concelho da Figueira da Foz não registou qualquer caso de infecção com covid-19 nas últimas 24h, permanecendo um total de 23 casos activos,...

Noite da Primavera reabre Salão do Casino

Ao fim de largos meses encerrado, o Casino Figueira reabre as portas do salão caffé amanhã, sábado, no dia 19 de Junho, às 20...