Início Local Freixo de Santo António aproveitado para fazer esculturas em exposição no CAE

Freixo de Santo António aproveitado para fazer esculturas em exposição no CAE

O Centro de Artes e Espectáculos apresenta, no seu jardim principal, uma exposição de esculturas de vários santos construídos com a madeira aproveitada do abate do freixo de Santo António, árvore que foi abatida no dia 14 de Novembro de 2019 por motivos de debilidade e de segurança pública, após decisão devidamente sustentada em pareceres e avaliações técnicas e com a concordância do Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF).

Plantado há 300 anos em frente ao edifício do Convento, que hoje acolhe o Lar de Santo António, o freixo tornou-se uma árvore majestosa com uma forte presença no local onde era já carinhosamente designado de “Freixo de Santo António.” Em 2018, sucumbiu à tempestade Leslie.

Reconhecendo que esta árvore era uma referência daquele espaço e da memória colectiva dos figueirenses, representando um valor importante na história e no património local, o Município preocupou-se em perpetuar essa memória e o simbolismo a ela associado.

E porque as árvores não morrem, do “Freixo de Santo António”, o escultor Paulo Neves talhou as presentes esculturas: Santo António, São João, São Pedro e São Julião, quatro dos mais estimados Santos da Figueira da Foz, que permanecerão preservadas neste renovado jardim interior do CAE e que, pela sua originalidade, não serão indiferentes aos olhares de quem por aqui passa.

Pub

Leia também

Pessoas com diabetes com mais de 18 anos já podem agendar reforço de vacina contra a covid-19

As pessoas com mais de 18 anos e comorbilidades associadas já podem agendar o reforço da vacinação contra a covid-19 através sistema de senha...

Montemor-o-Velho destruiu 870 ninhos de vespa asiática em 2021

A Protecção Civil de Montemor-o-Velho destruiu, em 2021, cerca de 870 ninhos de vespa asiática, mais 170 ninhos do que no ano anterior. “Em 2021...

Despiste de motociclo provoca um morto no Paião

O despiste de um motociclo provocou hoje de manhã um morto na localidade de Paião, no concelho da Figueira da Foz, segundo fonte do...

Morreu o maestro César Batalha

Fundador do Coro de Santo Amaro de Oeiras quando tinha apenas 15 anos, César Batalha morreu na sexta-feira à noite, aos 76 anos. O compositor...

“Monólogos do Pénis” no Casino Figueira

Dia 22 de Janeiro, pelas 22 horas, o Casino Figueira vai receber a peça de comédia "Monólogos do Pénis", com a interpretação de Ricardo...