Início Regional Região Centro mantém coberturas elevadas de vacinação

Região Centro mantém coberturas elevadas de vacinação

A vacinação na região Centro mantém coberturas elevadas, com percentagem entre os 98 e 99%, anunciou hoje a Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC), após conhecer os resultados do Plano Nacional de Vacinação (PNV) de 2019.

Em comunicado enviado à agência Lusa, a ARSC realça que, no ano passado, as coberturas vacinais foram elevadas nos grupos avaliados, tendo sido administradas 270.322 vacinas nas unidades funcionais dos agrupamentos de centros de saúde e nas unidades locais de saúde de Castelo Branco e Guarda.

“De uma maneira geral, as coberturas vacinais na infância são elevadas. No âmbito da estratégia de vacinação do BCG, dirigida a grupos de risco, foram vacinadas 1.996 crianças com idade inferior a seis anos (idade recomendada), tendo o processo decorrido em 24 pontos de vacinação”, destaca a nota.

Segundo a ARSC, as actividades desenvolvidas pelas unidades de saúde da região Centro em 2019 permitiram alcançar resultados que “só foram possíveis com a sensibilização e o envolvimento continuado de todos os profissionais de saúde que trabalham nesta área”.

Os resultados “revelam terem sido atingidos os níveis necessários para conferir imunidade de grupo e para cumprir os objectivos dos programas prioritários de erradicação da poliomielite e de eliminação do sarampo e da rubéola, na componente da vacinação”.

“A vacinação, que constitui o maior avanço da medicina moderna, permite o bem-estar da população, previne doenças, contribui para um envelhecimento saudável, previne vários tipos de cancro e reduz a ameaça da resistência aos antibióticos”, sublinha o comunicado.

Em Portugal, de acordo com a ARSC, a vacinação permitiu eliminar doenças como a difteria, a poliomielite, o sarampo e a rubéola, bem como controlar muitas formas de meningite, a tosse convulsa e a papeira, entre outras.

“Num contexto de pandemia de covid-19, é ainda mais importante relembrar a importância da vacinação recomendada no PNV”, frisa o organismo regional.

Pub

Leia também

Figueira ganha prémio nacional da Mobilidade em Bicicleta

O Município da Figueira da Foz foi galardoado com o prémio nacional da mobilidade em bicicleta 2020, na categoria de Autarquias e...

Pais contra as mudanças de sala dos alunos

Os pais e encarregados de educação da turma 1, do 6.º ano de escolaridade da Escola Dr. João de Barros da Figueira...

Mais de 300 médicos de família ainda não foram colocados

Mais de um mês após o lançamento do concurso para colocação dos 365 médicos de família, os especialistas continuam sem trabalhar numa...

Protecção Civil emite recomendações para próximos dias de mau tempo

A Autoridade Nacional de Emergência e Protecção Civil (ANEPC) emitiu hoje recomendações para as próximas 48 horas devido às previsões de chuva...

Chuva regressa na quinta-feira

A chuva deverá regressar na quinta-feira a Portugal, prevendo-se uma descida gradual de temperatura e aguaceiros, que poderão ser acompanhados de trovoada,...