Início Educação Covid-19: Montemor-o-Velho cria programa 'online' para manter jovens activos

Covid-19: Montemor-o-Velho cria programa ‘online’ para manter jovens activos

A Câmara de Montemor-o-Velho criou o programa ‘TPC – Trabalhos (divertidos) para fazer em casa’ para, em tempo de pandemia, manter os mais jovens activos e ajudar pais e comunidade educativa com propostas de actividades.

“Procurando minimizar os efeitos do isolamento e tendo como objectivo o bem-estar dos mais novos”, o município de Montemor-o-Velho “implementou o programa TPC”, para “manter os mais jovens activos, neste período em que ainda têm de ficar em casa, estimular o corpo e a mente em tempo de pandemia, e ajudar pais, encarregados de educação e comunidade educativa com propostas de actividades”, anunciou hoje, numa nota enviada à agência Lusa, esta Câmara do Baixo Mondego.

Deste modo, “as actividades de animação e apoio à família chegam, agora, a casa, e as crianças vão poder continuar, como na escola, a praticar yoga ou ginástica”, sustenta a Câmara de Montemor-o-Velho, assegurando que “continua a trabalhar em prol de uma educação de excelência e dos jovens alunos do concelho”.

Estas aulas, “preparadas pelos professores, vão estar à distância de um clique”, designadamente através da página do município na internet (www.cm-montemorvelho.pt), do Facebook, do Instagram e do Youtube, refere esta autarquia do distrito de Coimbra.

“A par da componente desportiva que, à distância, vai fazer encurtar as saudades que os mais pequenos já têm dos seus professores, os TPC divertidos vão incentivar, igualmente, à realização de actividades lúdico-pedagógicas, de modo a estimular a criatividade e a motricidade das crianças”, sustenta.

Montemor-o-Velho tem vindo, paralelamente, a promover “um conjunto de acções com vista à criação de um ambiente educativo mais justo e capaz de criar condições de aprendizagem de excelência para todos os alunos e alunas”.

A autarquia fez um “investimento superior a 13 mil euros”, para ceder, “em regime de empréstimo, mais de meia centena de ‘tablets’” e assegurar acesso à internet aos “alunos dos diversos níveis de ensino identificados pelo Agrupamento de Escolas de Montemor-o-Velho”.

A equipa multidisciplinar dos Planos Integrados e Inovadores de Combate ao Insucesso Escolar, candidatura promovida pela Comunidade Inter-Municipal Região de Coimbra, “continua, mesmo nesta fase, a acompanhar remotamente, ao nível psicológico e da terapia da fala, 48 crianças”, com idades compreendidas entre os seis e os 15 anos, exemplifica ainda a Câmara de Montemor-o-Velho.

“Atenta às necessidades das famílias”, a Câmara tem “em funcionamento e em avaliação permanente, desde o início do surto epidémico (de covid-19), um programa de apoio com a entrega de cabazes alimentares” a crianças e famílias em situação vulnerável.

Em tempo de pandemia, a plataforma MorSucesso, com “conteúdos programáticos para o primeiro ciclo e pré-escolar e que permite partilha de recursos, discussão de ideias e colaboração à distância”, é também “mais um poderoso aliado na vivência escolar e educativa dos mais novos munícipes”, conclui a Câmara de Montemor-o-Velho.

Pub

Leia também

Câmara da Figueira da Foz diz que “clima de insegurança” em zona de bares “não pode continuar”

A Câmara Municipal da Figueira da Foz considera que “o clima de insegurança” numa zona de bares da cidade onde hoje de madrugada se...

PSP investiga tiroteio e agressões na madrugada de hoje na Figueira da Foz

A PSP da Figueira da Foz está a investigar um tiroteio, ocorrido na madrugada de hoje, cerca das 3 horas, na zona turística do...

“O planeta está a aquecer e a principal responsabilidade é nossa”, apela Carlos Fiolhais

O Instituto Superior de Engenharia de Coimbra promoveu esta semana uma palestra online sob o tema das alterações climáticas, integrada no ciclo de conferências...

Ilustrações de Marta Monteiro no CAE até Dezembro

A ilustração da artista plástica Marta Monteiro estará em exposição no Centro de Artes e Espectáculos até dia 12 de Dezembro, em mais uma...

“Onde nos levará a Genética?” – palestra Rotary

A investigadora figueirense Sílvia Curado vai estar em directo hoje, a partir de Nova Iorque, com o Rotary Club da Figueira da Foz, numa...