Início Nacional Covid-19: Desde o início de Maio que não se registavam tantos internamentos

Covid-19: Desde o início de Maio que não se registavam tantos internamentos

Portugal tem hoje 811 pessoas internadas devido à infecção por covid-19, o que significa que desde o inicio de Maio que não se registavam tantos internamentos.

A 11 de Maio existiam 805 pessoas internadas, número que foi registando um decréscimo ao longo de cinco meses.

Embora com oscilações diárias nunca mais se tinha ultrapassado o valor de 805 doentes internados.

Na quinta-feira, os dados do boletim epidemiológico davam conta que 801 infetados estavam internados em unidades hospitalares portuguesas, número que registou hoje uma subida (mais 10 pessoas).

No que respeita aos cuidados intensivos os dados revelam também uma semelhança ao ocorrido em Maio.

Portugal registou hoje mais 12 mortos relacionados com a covid-19 e 1.394 novos casos de infecção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direcção-Geral da Saúde (DGS).

Desde o início da pandemia, em Março, este é o segundo maior número de casos de infecção. O maior foi em 10 de Abril, com 1.516.

Portugal já registou 2.062 mortes e 83.928 casos de infecção, estando hoje activos 29.702 casos, mais 735 do que na quinta-feira.

O novo coronavírus já infetou em Portugal pelo menos 38.166 homens e 45.762 mulheres, de acordo com os casos declarados. Do total de vítimas mortais, 1.032 eram homens e 1.030 mulheres.

A DGS indica que das 12 mortes registadas, oito ocorreram na região de Lisboa e Vale do Tejo, três na região Norte, onde hoje se regista o maior número de infeções e uma na região centro.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em Fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

Pub

Leia também

Foi criado o Prémio de Fotografia António Ramos Silva

Na exposição fotográfica, ontem inaugurada, em homenagem a António Ramos Silva, a Associação Magenta e a Dez de Agosto anunciaram a criação de um...

“Trair e coçar é só começar” – comédia com José Raposo passa pelo CAE

O Centro de Artes e Espectáculos (CAE) vai apresentar a peça de comédia "Trair e coçar é só começar", protagonizada por José Raposo, dos...

Mais dias de competição esperam um pelotão que terá uma Volta a Portugal tardia

O pelotão português inicia no domingo, na Prova de Abertura, um calendário com mais de 70 dias de competição, um número que supera amplamente...

Polícia Marítima da Figueira autua empresa a operar sem licenciamento

Na passada segunda-feira, elementos do Comando-local da Polícia Marítima da Figueira da Foz detectaram e autuaram uma empresa que se encontrava a efectuar trabalhos...

Exposição fotográfica presta homenagem a António Ramos Silva

No próximo sábado, dia 4 de Fevereiro, a associação Magenta e a sociedade filarmónica Dez de Agosto vão realizar uma homenagem a António Ramos...