Início Ambiente Agricultores de Coimbra querem reunir com APA e Governo sobre prejuízos

Agricultores de Coimbra querem reunir com APA e Governo sobre prejuízos

A Associação dos Agricultores de Coimbra vai solicitar uma audiência à Agência Portuguesa do Ambiente e à Direcção de Agricultura para apresentar os prejuízos causados pelo mau tempo que só nas culturas de milho ascendem a 300 mil euros.

“Devido ao mau tempo ocorrido em Setembro, há prejuízos em mais de 100 hectares de milho de grão e silagem no Baixo Mondego, envolvendo dezenas de agricultores”´, indicou a Associação Distrital dos Agricultores de Coimbra (ADACO), notando que o prejuízo da área afectada ronda os 300 mil euros.

Os agricultores referiram que os seguros não pagam o montante em causa, uma vez que estes só cobrem prejuízos, no mínimo, em 30 por cento da exploração agrícola e com ventos de 70 quilómetros por hora ou mais.

Para a ADACO deve existir a possibilidade de fazer seguros individuais ou colectivos, através dos quais os prejuízos são pagos “no valor total afectado a partir de um euro” e o Governo deve adoptar medidas para apoiar os agricultores em causa.

Neste sentido, a associação vai pedir uma reunião, “com carácter de urgência”, à Direcção Regional de Agricultura do Centro.

Por outro lado, os agricultores de Coimbra lamentam que as obras feitas no leito periférico direito do Rio Mondego não “sejam insuficientes”, o que pode levar a um novo desmoronamento do dique.

“A APA aquando das cheias em finais de 2019, ao tirar toneladas de areia do Rio Mondego a montante da ponte de Santa Clara, depositando-as depois a jusante desta mesma ponte entre Coimbra e Montemor-o-Velho, originou que nestas zonas o rio ficasse com pouca capacidade de armazenamento de água, o que contribuiu em muito para que as cheias atingissem a dimensão que tiveram, e causar os imensos prejuízos que conhecemos na agricultura e infraestruturas”, sublinhou, vincando que “estão criadas as condições” para novas cheias e, consequentes, prejuízos.

A ADACO vai também pedir uma audiência à delegação de Coimbra da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), esperando que esta “ouça os agricultores”.

Pub

Leia também

Ginásio conquistou 17 títulos na época passada

Na época de 2021-2022, o Ginásio conquistou 14 títulos de Campeão de Portugal - nas modalidades de Remo (13) e Tiro (1) - e...

Colisão rodoviária provoca um morto e um ferido grave

Uma colisão entre dois veículos causou hoje um morto e um ferido grave, na Estrada Nacional 109 (EN109), em Marinha das Ondas, disse fonte...

Naval Remo participa no Campeonato Regional de Esperanças do Centro

O Campeonato Regional de Esperanças do Centro de remo foi ontem realizado em Coimbra, num evento que reuniu cerca de 200 atletas. A equipa...

Exposição “Compaixão – Escritas Poligráficas” no CAE

O Centro de Artes e Espectáculos inaugurou na sábado passado a exposição "Compaixão - Escritas Poligráficas", que contou com a presença do professor Manuel...

Sub-14 do Ginásio vence Campeonato do Centro de Basquetebol

Ao derrotar o Stella Maris na meia-final (64-24) e o Olivais (56-52) na final, a equipa de Sub-14 (12 e 13 anos) do Ginásio...