Início Cultura RFM SOMNII na Figueira da Foz até 2024

RFM SOMNII na Figueira da Foz até 2024

Esta manhã de terça-feira, na Câmara Municipal da Figueira da Foz, decorreu a Conferência de Imprensa de apresentação da 7ª edição do RFM SOMNII, com a presença de Carlos Monteiro, presidente da Câmara Municipal, Pedro Machado, presidente da Turismo Centro de Portugal e Marco Azevedo, diretor do festival.

Desde 2012, em julho, a Figueira da Foz transforma-se numa cidade festival e assim será até 2024, anunciou hoje o presidente da Câmara Municipal da Figueira da Foz, Carlos Monteiro.

Este ano, nos dias 5, 6 e 7 o RFM SOMNII vai trazer milhares de pessoas à praia do Relógio. Do programa constam 7 palcos, 34 artistas e 84 atuações. 
Este ano, uma das novidades é o facto da festa se espalhar pela cidade: na Esquina do Casino, na Escadaria do Edifício Portugal, na Torre do Relógio, na Esplanada Silva Guimarães, na Praça Afonso de Albuquerque e em arruadas.
“Ano após ano temos melhorado. Vamos trazer o evento para as ruas do Bairro Novo. Quem não pode ir ao evento, pode festejar cá fora”, afirmou o presidente da Câmara.

Carlos Monteiro falou também da importância da sustentabilidade e da redução do plástico, com a utilização de copos reutilizáveis.
A Câmara Municipal vai financiar o evento com mais 50 mil euros que o ano passado e o Turismo Centro de Portugal outros 50 mil.

Marco Azevedo, afirma que se sente em casa na Figueira da Foz. Estima que sejam vendidos 125 mil bilhetes, mas o objetivo é chegar aos 200 mil.

O diretor do evento recorda que o festival já não é só de música electrónica. Desta vez, estende-se a mais géneros musicais, de forma a agradar públicos diferentes. A mudança tem-se refletido na venda de bilhetes, que aumentou.

A última palavra foi de Pedro Machado, que afirmou que a cidade da Figueira da Foz tem um “triângulo virtuoso”: a sua aptidão para captar e realizar eventos; a notoriedade e atractividade que atraem à cidade e o valor económico que acrescentam; e a sua sustentabilidade ambiental e de negócio.
O presidente da Turismo Centro de Portugal afirmou, ainda, que o festival pode contar com o apoio da instituição nos próximos anos.

Pub

Leia também

Figueira da Foz é cidade há 138 anos

Hoje comemora-se o 138.º aniversário da elevação da Figueira da Foz a cidade, com o hastear da bandeira do município no edifício...

Mau Tempo: Mais de 150 ocorrências entre as 08:00 e as 17:00

A Proteção Civil registou 150 ocorrências devido ao mau tempo, com Leiria, Coimbra, Porto e Lisboa a serem os distritos mais afetados,...

Figueira ganha prémio nacional da Mobilidade em Bicicleta

O Município da Figueira da Foz foi galardoado com o prémio nacional da mobilidade em bicicleta 2020, na categoria de Autarquias e...

Pais contra as mudanças de sala dos alunos

Os pais e encarregados de educação da turma 1, do 6.º ano de escolaridade da Escola Dr. João de Barros da Figueira...

Mais de 300 médicos de família ainda não foram colocados

Mais de um mês após o lançamento do concurso para colocação dos 365 médicos de família, os especialistas continuam sem trabalhar numa...