Início Espectáculo Figueira Jazz Fest volta em Setembro e dura três dias

Figueira Jazz Fest volta em Setembro e dura três dias

O Figueira Jazz Fest propõe, na Figueira da Foz, três concertos, entre 2 e 4 de Setembro, numa segunda edição em que o jazz feito por portugueses se junta à tradição musical portuguesa, foi hoje anunciado.

“Depois da ousadia do ano passado (fazer nascer um Festival de Jazz em ano de pandemia), o Figueira Jazz Fest voltará este ano a desafiar a conjuntura e a dar palco ao melhor do Jazz que se faz em Portugal”, refere, em comunicado enviado à agência Lusa, a Câmara Municipal da Figueira da Foz, organizadora do evento.

Os três espectáculos, adianta a nota, “juntam músicos e cantores de jazz a cantores e músicos de outras áreas num esforço de partilha, fusão e de conquista de mais e novos públicos”.

O espectáculo “Entre Paredes”, do sexteto de Bernardo Moreira (cujo disco foi editado no final de Julho) abre o festival dia 2 de Setembro, com a participação de Cristina Branco – que cantará Carlos Paredes, com poemas de Ary dos Santos, Pedro Tamen e outros poetas – e do guitarrista Bernardo Couto.

A 3 de Setembro, o grande auditório do Centro de Artes e Espectáculos (CAE), palco do Figueira Jazz Fest, recebe uma homenagem à música portuguesa “feita pela consagrada cantora de jazz Paula Oliveira, a quem se juntará o fadista Ricardo Ribeiro”.

O comunicado refere que se trata de um espectáculo “inédito”, lembrando que Paula Oliveira “sempre incluiu em todos os seus discos de jazz temas do cancioneiro português”.

A encerrar o festival, a 4 de Setembro, Maria Mendes, cantora portuguesa a residir nos Países Baixos, “acompanhada por um trio de consagrados músicos internacionais” apresenta os fados e as músicas tradicionais portuguesas presentes em “Close to Me”, o seu terceiro disco, nomeado para os prémios Grammy.

Entre outros temas, o concerto de Maria Mendes inclui “Barco Negro”, “Tudo Isto é Fado”, “Foi Deus” ou “Asas Fechadas” “tocados e cantados jazzisticamente”, observa a nota da Câmara Municipal.

Os bilhetes diários para o Figueira Jazz Fest, com espectáculos sempre às 22h, têm um custo de cinco euros e o passe de três dias custa dez euros, adianta o comunicado.

Segundo a nota, o festival “volta a respeitar rigorosamente todas as regras sanitárias em vigor e as normas estabelecidas pela Direcção Geral da Saúde”, como o uso obrigatório de máscara.

Pub

Leia também

Portugal sem concelhos em risco extremo pela primeira vez em dois meses

Portugal deixou hoje de ter concelhos em risco extremo de infecção pelo vírus SARS-CoV-2, o que não ocorria desde o início de Julho, segundo...

Circuito Nacional de bodyboard na Praia do Cabedelo

O Circuito Nacional de Bodyboard Crédito Agrícola 2021 vai ter a sua primeira etapa na Praia do Cabedelo já neste fim-de-semana, contando com a...

Cinco novos casos nas últimas 24h – Figueira com 142 casos activos

O concelho da Figueira da Foz registou cinco casos de pessoas infectadas com covid-19 nas últimas 24h, permanecendo um total de 142 casos activos,...

Chuva afecta produção de milho no Baixo-Mondego

A chuva intensa que atingiu o Baixo Mondego, na segunda-feira ao final da tarde, afectou uma “vasta área de produção de milho”, disse à...

Praias na Figueira da Foz vistoriadas após avistamento de tubarões

Várias praias na linha de costa da Figueira da Foz foram hoje vistoriadas pela Autoridade Marítima, devido ao avistamento de três tubarões, no domingo,...