Início Economia Coworking “Mercado de Ideias” pensa no futuro

Coworking “Mercado de Ideias” pensa no futuro

O coworking Mercado de Ideias, completou dois anos e, devido à situação pandémica, assinalou a data com uma apresentação nas redes sociais de alguns dos projectos e actividades que se encontram no espaço.

Situado no Mercado Municipal Eng.º Silva, surgiu com o objectivo de potenciar o empreendedorismo e promover a dinâmica empresarial do concelho da Figueira da Foz. A autarquia criou este espaço de coworking, “na certeza de que no mesmo se cruzam projectos que poderão ter impacto ao nível da comunidade local”.

Este espaço tem trazido desafios e sinergias relevantes, nomeadamente a partilha de conhecimentos, a interacção com profissionais de diversas áreas, a gestão de tempo de trabalho mais eficaz e o acesso a melhores condições de espaço com reduzidos custos de investimento.

O “Mercado de Ideias” dá resposta às necessidades dos empreendedores “e garante a superação das exigências com que têm de lidar dia a dia, onde encontram não só um ambiente descontraído e informal, mas também um conjunto de valências que são, certamente, mais valias para os seus planos e estratégias de negócio, como: fotocopiadora, impressora e impressora 3D, internet por cabo e wireless, telefone, apoio administrativo e de mentoria, que conta com o apoio técnico do Município e de serviços de uma rede de entidades parceiras, da qual faz parte a Incubadora de Empresas da Figueira da Foz”.

O espaço conta com 14 pontos de trabalho a dar continuidade às suas actividades. Destes, há três postos ainda em fase de projecto (pré-empresa) nas áreas do direito do mar, da formação de línguas a estrangeiros e do vídeo e surf.

Os restantes 11 ocupantes, entre Empresários em Nome Individual (ENI’s) e empresas em actividade destacam-se as áreas de organização de estágios desportivos, “teambuilding” e mapas turísticos, de acompanhamento a idosos, passando por áreas como o marketing ou marketing digital, programação de software, operador turístico, exportação e comércio de vinhos, estruturas metálicas, fotografia profissional, moldes, coach e comunicação empresarial, design e animação.   

Pub

Leia também

A Figueira da Foz “é uma cidade lindíssima” – diz José Ramos-Horta

O Prémio Nobel da Paz e actual Presidente da República de Timor, José Manuel Ramos-Horta, conversou com O Figueirense. Político e jurista, Ramos-Horta tomou recentemente...

Festa do Arroz em Maiorca

A Confraria do Arroz Doce de Maiorca vai realizar depois de amanhã, domingo, a Festa do Arroz, que irá decorrer em Maiorca. Esta iniciativa tem...

O Figueirense já nas bancas!

A edição mensal de Maio d'O Figueirense já se encontra nas bancas! Eis a primeira página:

19º aniversário do Núcleo Museológico do Sal encerra «Maio é Museu!»

A programação cultural promovida pelo Museu Municipal Santos Rocha (MMSR), no âmbito da iniciativa da 10.ª edição de “Maio é Museu!”, vai culminar nas...

Arquitecto figueirense ganha prémio nacional

O arquitecto paisagista figueirense Fernando dos Santos Pessoa ganhou o Prémio “Ambiente e Paisagem Gonçalo Ribeiro Telles”, segundo apurou O Figueirense. Outro dos premiados foi...