Início Local Campus universitário da Figueira da Foz em funcionamento até ao final do...

Campus universitário da Figueira da Foz em funcionamento até ao final do ano

O campus da Universidade de Coimbra (UC) na Figueira da Foz, que vai funcionar na Quinta das Olaias, deverá entrar em funcionamento até ao final do ano, informou hoje a instituição de ensino.

“Após a desocupação dos espaços cedidos pelo município da Figueira da Foz, na Quinta das Olaias, e realização de obras de adaptação, o campus universitário deverá ser inaugurado e entrar em funcionamento até final do ano”, salienta a UC, em comunicado.

O protocolo de cooperação para a criação, instalação e funcionamento de um campus naquela cidade foi assinado esta semana entre as duas entidades, pelo reitor Amílcar Falcão e pelo presidente da Câmara da Figueira da Foz, Pedro Santana Lopes.

O acordo estabelece os termos da cedência dos espaços e imóveis que vão albergar o campus universitário, assim como as actividades (de ensino, investigação, inovação e partilha de conhecimento) que serão desenvolvidas pela Universidade.

A oferta formativa completa, “incluindo cursos diferenciados, nas áreas do turismo sustentável, da economia de mar e da economia circular (entre outras) e enquadrada no projecto Living the Future Academy, será anunciada em breve”, refere o comunicado.

A UC ambiciona diplomar, em quatro anos, entre 8.000 e 12.000 pessoas, no âmbito do projeto Living the Future Academy, financiado com 16,5 milhões de euros pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

O projecto está focado na promoção de programas e cursos de formação inovadores, adaptados a diferentes segmentos da população e em coordenação com empregadores e organizações económicas, sociais, políticas e territoriais da região Centro.

Liderado pela UC, o Living the Future Academy tem como parceiros a Universidade dos Açores, a Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, o Instituto Politécnico de Viseu e o Politécnico da Guarda, além de 104 parceiros e nove ‘clusters’ envolvendo mais de 300 associados.

O projecto prevê a criação de nove novos cursos de licenciatura e mestrado e de mais de uma centena de cursos curtos, não conferentes de grau, no âmbito de oito “academias” temáticas dedicadas a ’soft skills’, inteligência digital, robótica, saúde e longevidade, formação de professores, empreendedorismo jovem e sustentabilidade e economia circular, entre outros.

“Com a criação de um campus universitário na Figueira da Foz, a UC pretende consolidar a sua presença no território, reforçando relações institucionais e redes colaborativas que contribuam para o desenvolvimento sustentável de toda a região, tornando-a um centro dinamizador de ciência, investigação e inovação”, salientou o reitor da UC.

Para Amílcar Falcão, a parceria com o município da Figueira da Foz vai “fortalecer a todos”.

Pub

Leia também

Jornadas sobre a gaguez na Figueira

No dia 22 de Outubro realizam-se na Figueira da Foz as Jornadas 2.0, um evento de debate e reflexão organizado pela Associação Portuguesa de...

Isaías Cardoso faria hoje 100 anos

José Isaías Cardoso nasceu na freguesia de Alhadas a 30 de Setembro de 1922. Faria hoje 100 anos! Formou-se em arquitectura pela Escola Superior de Belas Artes do Porto, em...

TESTA Group adquire Sorefoz

O Grupo Testa, de Mortágua, comprou 80 por cento das acções da Sorefoz. “Acreditamos que a Sorefoz vai continuar a inovar e a crescer...

Santana Lopes perspectiva ano económico “muito difícil” em 2023

O presidente da Câmara da Figueira da Foz, Pedro Santana Lopes, perspectivou hoje um ano económico “muito difícil” para 2023 devido ao constante aumento...

Combate à erosão costeira na Figueira da Foz deverá ser iniciado em Outubro

A transposição de 100 mil metros cúbicos de areia na área costeira da Figueira da Foz para reforço do cordão dunar, prevista inicialmente para...